everchanging

Quero-te escrever outra vez.
Quero-te escrever outra vez, mas custa, porque não sei onde tu andas, nem onde eu me encontro. Já não há ponto da situação a rever, estratégia para pensar, momento para reflectir - há um texto a escrever, e eu tenho a certeza de que é para ti. É para ti, mas não sei porquê. Aqui a novata sou eu e talvez ainda não tenha encontrado as razões certas, mas nunca é tarde demais. Esperámos tanto tempo para dar um passo, tão simples, tão complexo, que agora podíamos correr a maratona. E eu já me cansei de reticências, blábláblás, de previsões e tudo mais, eu agora quero-te escrever, é isso.



Eu quero-te escrever e já sei porquê

7 comentários:

martini disse...

oh sofiaaa, está tão simples, claro e objectivo! adorei, chega de desvios. GOSTO TANTOO DE TIII

The queen disse...

What are you waiting for?? :P (lindo o texto) Beijo***

Fashion Camille. disse...

Texto mais que lindo +.+

Pyjaminhas disse...

we're all waiting....for something to happen
beijinhos

Kath disse...

olá sofia, primeiro obrigada pelo comentário lá no meu sítio. Regressei agora à blogosfera e assim que tiver um tempinho dedico-me ao teu blog. Deste texto e do anterior já gostei muito, consegues dizer muita coisa em poucas palavras e gostei disso.

Beijo****

CAP CRÉUS disse...

Gostei!

Margarida disse...

Não há nada melhor do que alguém que nos inspire....

desde 24 de Janeiro/2011

Com tecnologia do Blogger.